Green Digital Blog | Post

Mídias Sociais

Diferentes Tipos de Publicidade no Facebook: Quais Utilizar?

Green Digital Blog, Mídias Sociais - Diferentes Tipos de Publicidade no Facebook: Quais Utilizar?

Por:
2 de abril de 2019

Diferentes Tipos de Publicidade no Facebook: Quais Utilizar?

O Facebook é a maior mídia social no Brasil e no mundo. É uma plataforma com grandes oportunidades de publicidade e muitos recursos incríveis. Mas justamente pela abundância de recursos, ela pode ser um pouco confusa. Talvez por isso seja um pouco subutilizado. Se eu quero fazer publicidade no Facebook, o que eu uso? Posts patrocinados ou anúncios? Qual se encaixa melhor pro meu negócio? Quanto custa? Por onde eu começo? Para responder a estas questões, vamos iniciar analisando seus objetivos ao investir em mídia.

Qual seu Objetivo?

Sempre, em toda estratégia de marketing – não apenas para publicidade no Facebook -, a regra é a mesma: comece pelo fim. Quer dizer, tenha um objetivo em mente. É impossível realizar qualquer ação publicitária sem se ter bem claro o que você deseja alcançar.

Então, defina o seu objetivo. Gerar mais tráfego na sua página? Expandir seu público? Impulsionar as vendas de um produto em específico? E nesse caso, qual sua meta de vendas? Sem um objetivo bem definido, você não vai poder julgar se teve sucesso ou não. Nem quão longe ficou do sucesso. Por isso, saiba aonde quer chegar.

Qual seu Público?

A seguir, você tem que definir para quem você quer direcionar sua publicidade. Conhecer seu público é crucial em qualquer mídia online (até na hora de escolher quais mídias utilizar), mas é especialmente importante no Facebook.

Isso porque uma de suas melhores ferramentas são as de segmentação. Você pode incluir detalhes minuciosos de quem deseja alcançar, e o Facebook seleciona a dedo usuários que combinam com seu perfil. Por isso, saiba com quem está falando.

Publicidade no Facebook - como funciona

Quais as Opções de Publicidade no Facebook?

São essencialmente duas: posts patrocinados ou anúncios (que podem aparecer na coluna à direita, ou no feed dos usuários).

Anúncios

Os anúncios do Facebook são exatamente o que diz na lata: propagandas. Mas seu grande diferencial é que eles podem se misturar, quase imperceptíveis, ao resto do feed do usuário. Por terem um formato parecido ao de um posto normal, eles não interrompem a experiência.

Existem algumas diferenças entre os posts no feed e os da barra lateral:

Feed

  • Limite de 500 caracteres
  • Imagem maior
  • Um botão CTA (“Call to Action“, ou “chamada para ação”) no canto inferior direito. O CTA pode ser “Cadastre-se” ou “Saiba mais”, dentre outros
  • Um botão para curtir a página no canto superior direito
  • Excelente para: aumentar o engajamento com sua página no Facebook, aumentar a exposição da sua marca

Barra Lateral

  • Limite de 90 caracteres
  • Imagem menor
  • Link para um site fora do Facebook
  • Excelente para: gerar tráfego para o seu site

Muito bem, agora você deve estar se perguntando: e quanto custam esses anúncios? Bom, eles não tem um valor fixo. Isso porque a cobrança funciona em esquema de leilão. Mas não um leilão tradicional, em que vence quem paga mais — o sistema é um pouco mais refinado.

Se o prêmio do leilão é a exibição do anúncio, a “moeda” utilizada é o valor total deste. Quer dizer:

  • O quanto você está disposto a pagar pelo anúncio (seu lance)
  • O quão provável é que os usuários realizem a ação desejada ao ver o anúncio (quer seja curtir a página, clicar no CTA, clicar no seu site, etc.)
  • O quanto os usuários interagem com o anúncio (quer dizer, se ele fez sucesso)

Juntando essas três variáveis, o Facebook chega em um valor X. A plataforma então exibe o anúncio com o maior valor. Então não se trata só de quanto você vai pagar pela publicidade, mas da qualidade da mesma.

Publicações Impulsionadas

Esse recurso é excelente, acima de tudo, para gerar engajamento com a publicação. Então, digamos que você fez um post no Facebook. Talvez esteja apresentando um novo produto da sua marca, ou lançando uma campanha. E você quer que o maior número possível de pessoas visualize e interaja com esse post. Pra isso servem as publicações impulsionadas.

Uma grande vantagem desse tipo de publicidade é que ela é bem rápida e simples. O botão para impulsionar um conteúdo aparece em azul, bem fácil de ver, no próprio post. O custo também é mais fácil de compreender: você paga por cada clique, e pode estabelecer um limite diário.

No todo, nenhuma dessas modalidades é absolutamente melhor que a outra. A estratégia mais eficaz pode ser uma combinação das duas, e sempre tendo em vista seu objetivo.

Por exemplo, publicações impulsionadas são ótimas para visibilidade. É uma opção excelente caso você queira aumentar o alcance de uma postagem em específico, e sua simplicidade é muito útil caso você tenha um orçamento limitado, ou pouco tempo pra investir em publicidade.

Mas anúncios são, por exemplo, muito mais eficazes quando existe um CTA. Não é porque alguém visualizou sua publicação que vai clicar no link — na verdade, posts impulsionados não dão muito certo nesse quesito. Se você tiver tempo e recursos pra elaborar uma estratégia mais ampla, é uma ferramenta que não pode ficar de fora.

Existem ainda muitas outras dicas que podem ajudar a elevar sua campanha. Esse investimento na publicidade do Facebook pode ser, como dissemos, um pouco complicado — mas com certeza vale a pena.